Born in Lisbon, October 27, 1953.

Graduate in Philosophy, Faculty of Arts of the Classical University of Lisbon (1979). Researcher specialized in several areas of knowledge, such as: History and Geography Mítica de Portugal, Hermetic Philosophy, Iconology of Portuguese Art, Emblematic and Mafrenses Culture and History. He taught in the Secondary and High School, as well as in the Faculty of Social and Human Sciences of the New University of Lisbon.
He was Coordinator of the Cultural Services of the Municipality of Mafra (between 1989 and 2003), Director of the Documentation and Information Center of Local History of the Municipality of Mafra (between 2006 and 2010) and Scientific Director of the Library António Quadros – IADE-U ( between 2000 and 2016). He was the Commissioner of several exhibitions and exhibitions, namely the Mafra – do Regicide Exhibition on October 5, destined for the National Palace of Mafra and integrated in the official Commemorations of the Centenary of the Implantation of the Republic (2010). Currently, he is a Professor at IADE-U, Institute of Art, Design and Business – University, as well as collaborator of UNIDCOM (idem) and CLEPUL (Faculty of Arts of the Universidade Clássica de Lisboa).

He directs the Ernesto Soares Center of Iconography and Symbolism, which he founded in 1997. He is a frequent guest of several series of the History Channel. Member of the Advisory Council of the periodicals Nova-Águia (Portugal) and director of the scientific journal Mito, Symbol and Tradition. He has collaborated scattered in several periodicals, emphasizing: Cultural Bulletin of Mafra, Region Saloia, Age of the Image, New Eagle, Cadernos of the Tradition – History and Identity of the People of Portuguese Language (1ª, 2ª and 3ª series); Bulletin of the Ernesto Soares Center of Iconography and Symbolic, etc.

He is the author of a vast bibliography, which stands out:

Bibliografia crítica das fontes e estudos respeitantes ao Hermetismo em Portugal (1993); Apocalipse de Esdras nas letras e na arte portuguesas (1994); Icones Symbolicae – contributo para o conhecimento da recepção e difusão da Cultura Simbólica em Portugal e sua presença na Biblioteca do Palácio Nacional de Mafra (1996); Cheiros, Sabores e Comeres regionais de Mafra: tradição e modernidade (1998); Joaquim de Fiore, Joaquimismo e Esperança Sebástica (1999); A Cerâmica tradicional de Mafra (1999); Os Templários na Literatura (2000); Colecção Maçónica Pisani Burnay (2000); A Cristofania de Ourique: mito e profecia (2002); O Monumento de Mafra de A a Z – v. 1 (2002); Dicionário do Milénio Lusíada – v. 1 (2003); A Biblioteca do Palácio Nacional de Mafra (2003); Cartas de Jogar e Tarot em Portugal (2004); Para um elenco das edições impressas das Trovas do Bandarra, in Newsletter do Centro Ernesto Soares de Iconografia e Simbólica, n. 17 (Mar. 2004); Para um elenco dos comentários impressos das Trovas do Bandarra, in Newsletter do Centro Ernesto Soares de Iconografia e Simbólica, n. 18 (Mar. 2004); Bandarra na Poética Portuguesa – séc. XVII a XX (2005); Disparates sentenciosos, do Mestiço de Malaca (2005); Emblemas e Leitura da Imagem Simbólica no Palácio Nacional de Mafra (2005); O Monumento de Mafra visto por estrangeiros – 1716-1908 (2005); O Projecto Templário e o Evangelho Português (2006); O Monumento de Mafra de A a Z – v. 2 (2006); Trovas ou Disparates do Pretinho do Japão (2007); Processo Inquisitorial de Gonçalo Anes Bandarra, sapateiro da Vila de Trancoso, ano de 1541 (2007); A Jerusalém Celeste como paradigma dos Impérios ou Teatros do Divino (2007); Do Desejado ao Encoberto: roteiro de uma exposição virtual (2007); Colectânea das principais censuras e interditos visando os Impérios do Divino Espírito Santo (2007); O Anjo Custódio de Portugal (2007); Cesare Ripa na Biblioteca do Palácio Nacional de Mafra e ecos da sua Iconologia (Roma, 1603) nas Artes em Portugal (2007); Portugal Sobrenatural – v. 1 (2007); Da Face Oculta do Rosto da Europa – 2ª ed. revista e ampliada (2009); Astrologia em Portugal: dicionário histórico-filosófico (2010); Colecção Portuguesa I e II da Biblioteca do Congresso – subsídios para a sua história (2012); Sebástica manuscrita na Biblioteca do Congresso (2012); Templarismo manuscrito na Biblioteca do Congresso (2012); A Quinta da Regaleira – legado Sebástico-Templarista de António Augusto Carvalho Monteiro (2012); Colecção Portuguesa I e II da Biblioteca do Congresso – livros maçónicos (2012); O Império do Divino Espírito Santo em Sintra e Cascais (2012); Iconografia e Iconologia: estudos, notas e fontes de cultura visionária (2012); Livro das Profecias de Cristóbal Colón (2013); Amuletos da Tradição Luso-Afro-Brasileira (2013); Florilégio de Tradições do Concelho de Mafra (2013); O Anjo da Saudade: da Hierarquia Celeste e do Custódio de Portugal (2013); O Projecto Templário e o Evangelho Português (2013), 2ª ed. revista e ampliada; Fernando Pessoa: Hermetismo, Iniciação, Heteronímia (2013); Mafra, do ocaso da Monarquia, ao advento da República(2013); Itinerários da Monarquia Constitucional em Mafra (2013); Hagiografia de D. Sebastião: de Desejado a Encoberto (2014); Cátaros para um Languedoque Português (2014); António Augusto Carvalho Monteiro: imaginário e legado (2014); Palácio Quintela: Iconologia do Programa Pictórico (2014); As Ilhas Míticas do Imaginário Luso: fontes e iconografia(2014); Os Templários na Literatura de Língua Portuguesa (2014); A freguesia da Carvoeira (Mafra), de-lés-a-lés (2014); Instituições militares no Monumento de Mafra (2014); Estudos de Emblemática I(2014); A Vila de Mafra, de-lés-a-lés: história e evolução urbana (2014); Promontório Sagrado: Finisterra e Fim do Mundo (2015); Guia Templário de Portugal – v. 1 (2015); Fernando Pessoa: Hermetismo e Iniciação (2015); Festa dos Tabuleiros – Tomar (2015); Guia Templário de Portugal: Almourol – Cardiga (2015); Guia Templário de Portugal – Literatura Portuguesa (2015); 5 de Outubro de 1910 – O Embarque da Família Real na Ericeira (2015); Guia Templário de Portugal: Tomar (2015); Emblemata – estudos 1 (2016); Arte da Memória e Hermética na Biblioteca do Palácio Nacional de Mafra (2016); São Julião (Carvoeira, Mafra) e Mateus Álvares, Falso D. Sebastião da Ericeira ( 2016); A Vila de Mafra de lés-a-lés: Quem é quem (2016); Guia Templário de Portugal – Convento de Cristo (2016); Palácio Nacional de Mafra: Guia (2016); Guia Templário de Portugal: a Demanda das Ilhas Míticas (2016); Dicionário do Milénio Lusíada – v. 1 (2017); Gliptografia Lusitânica: Marcas e Siglas Lapidares (2017); Poética Sebástica (século XX) (2017); Ordens Luso-Brasileiras e suas insígnias (2017); O Império do Divino na Amazónia (2017); S. Julião (Carvoeira) e o Falso D. Sebastião da Ericeira (2017); O Monumento de Mafra de A a Z – v. 1 (2017); O Monumento de Mafra de A a Z – v. 2 (2017); Noese e Técnica do Símbolo: A Morte e os últimos fins do Homem (2017); A Atlântida: Iconologia da Pré-história de Portugal (2017);  Profética Lusíada: quatro idades, joaquimismo, quinto império (2018); Geomância, ou da Natureza Animada em Portugal (2018); Alquimia e seus Adeptos em Portugal – v. 1 (2018); etc.